Portal do Agro
Federação da Agricultura e Pecuária (Faeap) e Sindicatos Rurais prestam auxílio na declaração
Notícias

Produtor do Amapá tem até 30 de setembro para declarar o imposto rural

O prazo para declaração do Imposto Territorial Rural (ITR), referente ao exercício de 2020, encerra no dia 30 de setembro e, para garantir que o produtor do Amapá não perca o prazo, a Federação da Agricultura e Pecuária (Faeap) e os dez Sindicatos Rurais a ela filiados, oferecem o serviço aos proprietários rurais.

A sede da FAEAP fica localizada em Macapá, na Avenida Diógenes Silva, nº. 2045 – Buritizal. Os horários de atendimento são das 08h00 às 12h00, de segunda a sexta-feira. Nos municípios onde estão instalados os Sindicatos Rurais, o contato deve ser feito com os dirigentes sindicais dos específicos municípios. Os atendimentos seguem todas as normas de segurança recomendadas para evitar o contágio do coronavírus.

Tecnologia

A declaração do ITR deve ser elaborado por meio do Programa ITR 2020, disponível no site da Receita Federal. A primeira quota ou quota única do pagamento tem vencimento no dia 30 de setembro. As demais parcelas vencem no último dia útil de cada mês subsequente, acrescida de juros. A multa após o prazo da declaração corresponde a um por cento ao mês-calendário ou fração de atraso, calculada sobre o valor total do imposto devido.

As regras para a apresentação da declaração foram publicadas na Instrução Normativa (IN) nº 1.967/2020. De acordo com o documento, estão obrigados a declarar a pessoa física ou jurídica proprietária, titular do domínio útil ou possuidora a qualquer título, inclusive a usufrutuária. Quando o imóvel rural pertencer simultaneamente a mais de um contribuinte ou quando mais de uma pessoa for possuidora do imóvel rural, um dos condôminos deve apresentar a declaração, além de outras definições estabelecidas no ato.

A IN também traz informações sobre a obrigatoriedade de apresentação, documentação, forma de elaboração, apuração do ITR, informações ambientais, apresentação depois do prazo e retificação, entre outros pontos.

A documentação necessária para declarar o imposto são: Documento de Informação e Atualização Cadastral do Imposto sobre a Propriedade Territorial Rural (Diac) e Documento de Informação e Apuração do Imposto sobre a Propriedade Territorial Rural (Diat). 

 

DEIXE SEU COMENTÁRIO ABAIXO:

Publicações Relacionadas

Lucas Barreto ingressa na Frente Parlamentar da Agropecuária e defende setor produtivo

Redação Portal do Agro

Diretor da Aprosoja Amapá toma posse em Brasília na diretoria da Aprosoja Brasil

Redação Portal do Agro

Simpósio na Embrapa apresenta estudos em nutrição e segurança de alimentos

Redação Portal do Agro