Portal do Agro
Árvore símbolo da floresta amazônica, a castanheira é uma das principais espécies do extrativismo da região.
Notícias

Embrapa Amapá atualiza técnicos sobre produção de mudas de castanheiras

Da Redação

Técnicos de vários municípios da região oeste do Pará participaram, na última quinta-feira, 17/6, da reunião técnica on line de atualização das inovações tecnológicas para produção e mudas de castanheira (Bertholletia excelsa), promovida pela Embrapa Amapá em parceria com a gerência regional do Baixo Amazonas do Instituto de Desenvolvimento Florestal e da Biodiversidade do Estado do Pará (Ideflor-Bio).

Árvore símbolo da floresta amazônica, a castanheira é uma das principais espécies do extrativismo da região, representa uma importante fonte de renda para milhares de famílias agroextrativistas. Possui valor econômico no mercado nacional e internacional e também tem importância na composição de sistemas agroflorestais. A espécie é uma das mais altas da Amazônia, podendo chegar até 50 metros. “O objetivo principal desta articulação e a realização deste nivelamento é promover a troca de informações entre profissionais das áreas técnicas de produção de mudas de castanheiras de diferentes municípios do Pará e Amapá”, destacou o analista de transferência de tecnologias da Embrapa Amapá, Walter Paixão.

De acordo com o gerente do Escritório Regional Baixo Amazonas II, do Ideflor-Bio, Jorge Braga, esta reunião de nivelamento deu continuidade a uma programação de transferência de tecnologias, que incluiu anteriormente conhecimentos sobre análises de solos e a cadeia produtiva do açaí. “Este é o terceiro evento técnico que realizamos em parceria com a Embrapa, e envolvemos a participação direta dos nossos técnicos de vários municípios de atuação do Ideflor, como Almeirim, Porto de Moz, Prainha, Monte Alegre, Alenquer, Óbidos, Oriximiná e Santarém, que são de abrangência da região da Calha Norte”.

O pesquisador engenheiro florestal Marcelino Guedes, da Embrapa Amapá, conduziu a reunião técnica a partir da programação focada no resumo das pesquisas com castanheiras, seleção de matrizes e coleta de material reprodutivo, clonagem e sementes, etapas fundamentais para a produção de mudas, escarificação para facilitar o descascamento e desinfecção, produção de mudas a partir do armazenamento de sementes no ouriço, produção em mini-estufas, cuidados na condução das mudas e plantio em campo, e manejo da regeneração natural por meio da tecnologia Castanha na Roça.

O chefe de Transferência de Tecnologias da Embrapa Amapá, Jô de Farias Lima, fez a abertura do evento ressaltando a importância da articulação para o desenvolvimento do extrativismo da castanha nos Estados da Amazônia Legal. A reunião foi apresentada pela analista de comunicação da Embrapa Amapá, Aline Furtado.

Sustentabilidade

O Ideflor-Bio é um órgão do Governo do Pará que faz a gestão das florestas públicas visando a produção sustentável e a preservação da biodiversidade, incluindo entre suas funções a gestão da política estadual para produção e desenvolvimento da cadeia florestal; e a execução das políticas de preservação, conservação e uso sustentável da biodiversidade, da fauna e da flora terrestres e aquáticas no Estado.

A íntegra da reunião

Link da gravação da reunião:  https://youtu.be/nD4oYf-b694

DEIXE SEU COMENTÁRIO ABAIXO:

Publicações Relacionadas

Liberação de macrobiológicos via drone gera maior rentabilidade ao produtor

Redação Portal do Agro

Amapá Agro: Live solidária do setor do agronegócio vai marcar a retomada

Redação Portal do Agro

Pecuaristas orientados sobre cuidados com a saúde dos animais na 1ª ExpoBúfalo

Redação Portal do Agro