Portal do Agro
Além da capital, chuvas se intensificam em municípios produtores como Porto Grande, Itaubal, Cutias, Laranjal e Vitória do Jari.
Destaque Notícias

Meteorologia prevê chuvas acima da média para o mês de março no Amapá

O Núcleo de Hidrometeorologia e Energias Renováveis do Instituto de Pesquisas Científicas e Tecnológicas do Amapá (NHMET/Iepa) prevê para este mês, uma média climática de 407 milímetros de chuvas para o estado.

De acordo com o meteorologista do Iepa, Jefferson Vilhena, os informes recebidos do Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (Cptec), órgão ligado ao Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), indicam que as chuvas para o Amapá podem ficar acima da média prevista para este mês. Esta primeira previsão indica que essas chuvas podem variar entre 400 e 500 milímetros.

“Não quer dizer que vá chover exatamente isso. Esses dados são de previsão, por isso que a cada 10 dias atualizamos estes dados, momento em que divulgamos o quanto já choveu e o que ainda poderá chover no estado”, acrescentou o meteorologista.

Segundo Vilhena, as chuvas devem se concentrar na região metropolitana – Macapá, Santana e Mazagão – e nos municípios de Itaubal, Cutias, Porto Grande, Ferreira Gomes, Laranjal e Vitória do Jarí. “Normalmente neste período, as chuvas se concentram nas cabeceiras das bacias hidrográficas, porém, este ano, não tem chovido muito nessas cabeceiras, assim, à princípio, podemos descartar possíveis enchentes em municípios banhados por esses rios”, completou.

Porém, a falta de chuvas nestas cabeceiras acaba causando certa preocupação. Vilhena explica que, passando o período chuvoso a partir de agosto, o rios podem ficar abaixo do nível normal. “A gente espera que chova o essencial para manter o nível dos rios nos período de estiagem”, concluiu.

Fevereiro

A média para o mês de fevereiro era de 340 milímetros. Choveu cerca de 256 milímetros, um volume de aproximadamente 100 mm a menos, o que está dentro do esperado, já que os dados variavam entre 204 e 513 milímetros. No mesmo período do ano passado, foram registrados 483 milímetros, ou seja, em 2020, fevereiro choveu aproximadamente 200 milímetros a menos que o ano passado.

 
 
DEIXE SEU COMENTÁRIO ABAIXO:

Publicações Relacionadas

Campanha publicitária do Amapá está na final do Prêmio Agro Brasil 2018 da CNA

Redação Portal do Agro

Agroextrativistas do Marajó participarão de oficina sobre políticas públicas na Embrapa-AP

Redação Portal do Agro

Setor de laticínios reage bem a medidas anunciadas de enfrentamento à crise

Cleber Barbosa